Faculdade Araguaia 

QUEM SOMOS

Faculdade Araguaia - Quem Somos

Faculdade Araguaia é uma instituição inovadora, voltada para o desenvolvimento intelectual de seus estudantes, com modernas técnicas pedagógicas. Sua proposta é construir uma relação entre educador e educando baseada na ética e valores fundamentais para a interação do ser humano com a sociedade.

Foi instituída em Goiânia em 2001 e tem como mantenedora a Sociedade de Educação e Cultura de Goiás. Conta com duas unidades, onde são oferecidos cursos de graduação, nos turnos matutino e noturno, graduação à distância, além de pós-graduação lato sensu.

Na unidade Centro funcionam os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Pedagogia, Tecnólogo em Gestão comercial (tecnólogo) e os cursos EaD. A unidade Bueno oferece Ciências Biológicas - licenciatura, Engenharia Ambiental, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Construção de edifício (tecnólogo), Engenharia Civil, Engenharia Agronômica, Arquitetura e Urbanismo, Educação Física Bacharelado e Educação Física Licenciatura.

O trabalho desenvolvido na FARA é norteado por princípios que valorizam, na prática, a habilitação da pessoa humana; a vivência comunitária; o respeito às diversidades culturais e étnicas; a síntese entre ciência, cultura, pesquisa e extensão; a idoneidade moral e a capacidade técnico-científica. Assim sendo, a Faculdade objetiva definir a proposta curricular que melhor atenda às necessidades sociais da comunidade nacional e do estado de Goiás.

Sua práxis funda-se em preceitos educativos que incentivam a participação, sendo o educando visto como ser ativo, sujeito responsável e solidário, que busca a conscientização através da compreensão dos fenômenos na sua totalidade.

Como instituição educativa, prioriza o conhecimento e o desenvolvimento das habilidades e competências necessárias aos estudantes para o exercício profissional e inserção no mercado de trabalho de forma crítica e transformadora.

Com essa concepção diferenciada, a Faculdade Araguaia pretende ampliar os conceitos de interdisciplinaridade e transversalidade no processo educativo, associando-os a conteúdos significativos, inseridos na realidade do aluno, e obtendo como resultado transformações relevantes no contexto social.